Plano de Carreira Cargo e Salários JÁ

06/02/2014 17:28

É fundamental neste momento que reflitamos um pouco sobre esse processo, analisando seu histórico, suas consequências e suas perspectivas.

O Plano de Carreira, Cargo e Salário determina a tabela salarial dos servidores abrangidos pelo plano, carga horária de trabalho, sistema de progressão/crescimento na carreira, rol de atividades de cada cargo, enfim será ele que regulará toda a vida funcional dentro da prefeitura municipal de Arauá. Por isso, cada plano possui suas peculiaridades.

Diante deste quadro faz-se necessário levarmos a discussão do PCCS que queremos para todos os servidores nos locais de trabalhos. Sem a participação efetiva dos servidores, todos serão obrigados a aceitar goela abaixo um plano elaborado segundo os interesses da Prefeitura, ou seja, mais exploração e menos salários, mais privilégios para chefias e menos direitos aos servidores. Por isso, além de discutir no local de trabalho, é necessário construir um plano de interesse de todos, com os representantes de cada categoria.

Melhores salários e condições de trabalho, menor carga horária, real possibilidade de crescimento na carreira, entre outros. E aí, o que VOCÊ quer?

Desde a campanha passada que a professora Rosinha defende e apoia a elaboração do plano de carreira tendo como experiência o da sua categoria dos professores. Lamentamos que até hoje apesar das várias matérias que temos feito em relação à importância deste mecanismo para a valorização e o reconhecimento pelos serviços prestados dos servidores municipais a prefeitura não tenha chamado a categoria para construção do plano de carreira que contemple todas as categorias.

A não implantação do plano de carreira implicará na continuação de perdas irreversível para todos os servidores efetivos, ou seja, o servidor que hoje já poderia requerer sua aposentadoria e no período da sua efetivação na prefeitura teve seus vencimentos de um salário mínimo vai se aposentar depois de tanto se dedicar aos serviços prestados com o mesmo salário mínimo que entrou. Ou seja, se já tivesse um PCCS implantado o mesmo poderia se aposentar com mais de dois salários mínimos.

Esperamos que os vereadores não aprove nenhuma copia de Plano de Carreira que venha de outro município sem que antes todos os servidores sejam ouvidos para que sejam feitas alterações caso seja necessária que contemple a todos.

Caso queiram empurrar de goela abaixo um plano elaborado segundo os interesses da Prefeitura. Nós do Partido dos Trabalhadores entraremos com uma ação no ministério público em defesa dos servidores.

 

Por Arimatéa Carlos

   


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!